Vale a pena investir em um sistema de controle de vendas?

Controle de vendas

Você sabe como medir as métricas comerciais do seu negócio e melhorar o ciclo de compra e, consequentemente, a satisfação dos seus clientes? Um sistema de controle de vendas com certeza é uma boa aposta para quem busca mais segurança e previsibilidade na hora de traçar os próximos passos.

Longe de bola de cristal ou adivinhação, implementar sistemas de controle de vendas possibilita que a gestão comercial seja feita com muito mais eficiência e sabedoria.

Além disso, o uso de softwares desse tipo permite analisar os dados da área comercial, evitando falhas e gargalos operacionais. Tudo isso comprova que as velhas planilhas não são suficientes para quem busca reestruturar o processo de vendas.

 

O que é controle de vendas?

Qualquer empresa precisa organizar o processo de vendas a fim de oferecer serviços e produtos de qualidade, garantindo que o ciclo de compras seja satisfatório e gerando novas oportunidades de negócio.

O controle de vendas aparece justamente com esse objetivo: aumentar a organização dos fluxos relacionados aos processos de venda.

Portanto, ele engloba desde a compra da matéria-prima até o envio da mercadoria para o cliente. Vale destacar que o pós-venda também faz parte da estratégia, afinal, por meio dele é possível garantir mais vendas e fidelizar novos clientes.

O controle de vendas também é utilizado para planejar novas ações. Por meio da coleta e armazenamento dos dados, é possível tomar decisões com base no histórico de negociações, garantindo mais assertividade e gerando um ROI maior.

A partir dele, muitas empresas conseguem ter previsões para os próximos meses, identificando em quais períodos as vendas são maiores e se preparando para os períodos de baixa nas vendas.

Muitos negócios optam por planilhas para realizar esse controle. Mas, quando o número de negociações e clientes cresce, esse sistema se torna insuficiente.

Por isso, a melhor opção é usar um sistema de controle de vendas, que permite a automatização de processos, evita falhas nas operações e otimiza tempo e mão-de-obra.

Os diferenciais do controle de vendas

O controle de vendas é caracterizado como a chave principal para alavancar o negócio. Muito além da coleta e mensuração dos dados, ele proporciona melhorias no processo de logística e garante que as vendas sejam realizadas com mais rapidez.

Porém, sua vantagem não se limita apenas a essa. Conheça outras a seguir:

Facilita a sua gestão financeira

Para uma empresa sobreviver às adversidades do mundo dos negócios, é importante que ela tenha um controle financeiro eficiente, assim como uma reserva emergencial.

Com o controle de vendas é possível melhorar a gestão financeira, pagar os impostos em dia e garantir que toda a operação rode dentro da lei.

Assim, os resultados serão alcançados, possibilitando maior facilidade para realizar novos investimentos.

Simplifica o seu fluxo de caixa

Já pensou se um cliente solicita um produto e, na hora de fazer o envio, você descobre que esse produto está fora de estoque?

O controle comercial permite uma organização maior dos produtos disponíveis e identifica quais necessitam de reposição.

Assim, as informações contidas em seu fluxo de caixa condizem com aquilo que acontece em sua empresa, evitando desalinhamentos.

Aumenta o desempenho das suas equipes

Já abordamos outras vezes a necessidade de contar com uma operação unida. Os times de marketing e vendas necessitam trabalhar em harmonia para que os leads sejam convertidos com mais facilidade e os clientes disponham de um ciclo de compras satisfatório.

Com mais autonomia e otimização de tempo, as equipes podem focar em atividades mais específicas. Além disso, os dados coletados por meio do controle de vendas permitem a otimização de processos e alinhamentos entre os diferentes times.

Vendas mais inteligentes

Com um software de vendas é possível integrar diferentes ferramentas, gerando uma operação omnichannel. Assim, as tarefas são automatizadas e as vendas são feitas de maneira mais inteligente.

Fidelização

Propiciar uma boa experiência de compra é requisito mínimo para fidelizar o cliente. De acordo com a pesquisa divulgada em 2020 pela Accenture — empresa focada em consultoria digital —, 47% dos entrevistados que ficaram frustrados com uma experiência de compra recente afirmaram que evitariam a marca no futuro.

Com clientes cada vez mais exigentes, principalmente no período pós-pandemia, nada mais justo que garantir que a experiência seja satisfatória. 

Afinal, a fidelização de clientes impacta diretamente no faturamento de uma organização. É o que mostra uma pesquisa realizada pela Harvard Business Review: um crescimento de 5% nas taxas de retenção de clientes pode aumentar os lucros de uma empresa de 25% a 95%.

Melhorias constantes

Um sistema de controle de vendas permite fazer melhorias, identificando quais processos estão trazendo o retorno esperado e quais precisam ser reformulados.

Assim, toda a operação comercial roda de maneira mais assertiva, propiciando experiências personalizadas aos clientes e garantindo o aumento das vendas.

Sistema de controle de vendas, ERP ou sistema de controle financeiro: qual escolher?

Não é incomum que o controle de vendas seja confundido com o ERP, mas é importante destacar que cada um tem funções específicas.

Enquanto um sistema de controle de vendas é utilizado para melhorar o relacionamento com os clientes e controlar o processo comercial, o ERP tem como objetivo otimizar processos operacionais, sendo composto pelos setores administrativo, financeiro e contábil.

Embora tenham funções diferentes, realizar a integração de ambos é essencial para facilitar a gestão da organização.

Como escolher um sistema de controle de vendas?

Muitos pilares devem ser levados em consideração ao optar pela implementação de um sistema de controle de vendas. Por isso, a seguir separamos alguns pontos de atenção que você deve ter:

Interface simples

Lembre-se: seu time precisa ter facilidade ao alimentar o sistema com as informações comerciais. Ao escolher o sistema, opte por aqueles que atendem às suas necessidades e sejam fáceis de mexer.

Armazenamento na nuvem 

É importante que seus colaboradores consigam acessar o sistema de controle de vendas com facilidade. Escolha aquele que possa ser acessado em qualquer lugar pela internet com login e senha. Afinal, o trabalho remoto é uma crescente no Brasil. 

Omnichannel é tudo!

O omnichannel permite a integração de todas as suas frentes comerciais, possibilitando que a compra comece a ser realizada em um canal e termine em outro. O cliente, por exemplo, pode começar o ciclo de compra pelo e-commerce e finalizá-la através do WhatsApp.

Portanto, busque por um sistema que permita essa integração de diferentes ferramentas, para que a coleta e mensuração dos dados coletados seja mais eficiente.

 

Resultados consistentes e dados andam lado a lado 

Ao longo desse conteúdo, com certeza, você entendeu a importância de contar com um controle de vendas eficiente e como os dados são cruciais nessa função. Por isso, viemos te convidar para um evento exclusivo e online que acontecerá nos dias 27 e 28 de julho: o Data Driven Decision.

Muito além de ensinar a aplicar os primeiros passos para quem busca uma cultura data driven, vamos abordar pesquisas e tendências desse mercado para impulsionar as vendas da sua empresa.

O melhor de tudo é que o evento contará com convidados especiais e um hub recheado de conteúdos imperdíveis. Para participar da maior comunidade Data Driven Decision do Brasil e não perder nenhum insight valioso, basta fazer sua inscrição no link abaixo. Até lá!

Controle de vendas

 

Ainda não há comentários! Você é o primeiro a comentar