Descubra como conquistar o cliente interno da sua empresa

Descubra a importância do cliente interno para o seu negócio e os motivos de manter um bom relacionamento com ele.

O foco de todas as estratégias de nutrição, fidelização e relacionamento das empresas é para o cliente externo. Mas, você já ouviu falar do cliente interno

Para que o negócio esteja em completa harmonia, entregando bons resultados, fazendo muitos pontos se alinharem e, principalmente, atendendo o cliente de forma assertiva, é preciso entender a importância do cliente interno.

Continue acompanhando este conteúdo para entender mais sobre cliente interno e externo,  e sua importância para os resultados do negócio.

O que é cliente interno?

Há alguns tipos de clientes, mas uma coisa é certa, independente da sua classificação, todos são impactados pelos produtos, serviços ou processos da sua empresa.

Então, o cliente interno, apesar de não realizar a compra efetiva do produto ou serviço, precisa ser impactado e, de certa forma, “comprar” a ideia, trabalhando para fazê-la dar certo.

Dessa forma, são considerados clientes internos os colaboradores, equipes terceirizadas, prestadores de serviços e fornecedores. São eles quem trabalham para que tudo funcione e traga resultados.

Por não serem os consumidores principais das marcas, acabam sendo deixados de lado, com pouco desenvolvimento e valorização. Mas, na verdade, são eles que contribuem para o sucesso da organização.

Afinal, se um colaborador não realiza um bom atendimento ao cliente, não executa suas funções e não se aperfeiçoa, não está agregando valor algum para a empresa. 

Além disso, os clientes internos são uma vitrine do seu negócio. São eles que passam as primeiras impressões para os consumidores, promovem a sua marca e aguçam a curiosidade do público para conhecer mais sobre sua empresa.

Portanto, trabalhar o sentimento de pertencimento, descobrir pontos de melhoria, apostar em ações que melhorem o bem-estar dos colaboradores, entre outros fatores, se tornam um grande diferencial para o seu cliente interno.

Diferenças entre cliente interno e externo

Agora que a definição ficou um pouco mais clara, vamos entender a diferença entre cliente interno e externo.

O cliente interno, como pudemos ver, faz parte da organização, dos processos e atua de forma intermediária entre a marca e o consumidor final. Então, fornece e contribui com mão de obra e insumos durante todos os processos.

Já o cliente externo é apenas um consumidor, não contribui para os processos e não participa de decisões importantes. Está ali exclusivamente para comprar.

Como incentivá-lo?

O cliente interno pode se sentir valorizado de diversas formas, desde as mais simples até as mais complexas. Como por exemplo, equipamentos de trabalho de boa qualidade, ergonômicos e com boa funcionalidade.

Possuir programas de incentivo dentro da empresa, oportunidade de desenvolvimento pessoal e profissional, escutar suas expectativas, dificuldades e pensar em maneiras de solucioná-las pode despertar o sentimento de valorização

Ou seja, para incentivar o cliente interno é necessário ter em sua empresa ações que investem e se preocupam com a saúde física, mental e a evolução profissional de todos os colaboradores.

Assim, o desempenho e a performance da equipe melhoram gradativamente à medida que todos vão se sentindo valorizados. 

Para melhorar o atendimento ao cliente interno e aproximá-lo ainda mais, separamos alguns pontos que são considerados importantes. Veja:

  • Trabalhe, de forma eficaz e otimizada, a comunicação interna por meio de e-mails, comunicados, palestras, reuniões de alinhamento, entre outros
  • Defina métricas para mensurar o desempenho dos colaboradores
  • Padronize processos para tornar o dia a dia mais prático
  • Incentive a busca pelo desenvolvimento profissional
  • Busque atividades que auxiliam na saúde e bem-estar
  • Sempre que possível, forneça feedback 

Ao colocar esses e outros pontos em prática muitas vantagens vão começar a surgir. Quer saber algumas delas? 

Benefícios de construir um relacionamento próximo

Ao trabalhar em estratégias e ações internas o relacionamento entre empresa e colaborador se torna mais forte, gerando um vínculo ou, até mesmo, um laço mais forte. 

Sendo colaborador, fornecedor ou profissional terceirizado, estabelece um compromisso com a marca, sua missão, seus valores e são atraídos cada vez mais para se envolver em projetos dentro da organização.

Esse é, inclusive, um dos motivos que aumentam a satisfação pelo trabalho. E outros efeitos positivos podem ser vistos, como melhora na produtividade, o alinhamento entre departamentos, o clima se torna mais agradável.

Cuidar do relacionamento com o cliente interno causa satisfação e proporciona benefícios para toda a empresa e auxilia no atendimento mais assertivo com o cliente final, proporcionando uma experiência mais satisfatória.

Além disso, a taxa de retenção de talentos começa a aumentar, tornando a cultura organizacional e as conexões entre os profissionais mais sólida, afetando na qualidade do ambiente, na complexidade dos processos e integração de todos.

É válido lembrar que é por meio de uma boa relação com o seu cliente interno é possível conquistar grandes feitos que começam a trazer resultados internos e externos. Porém, a implementação de diversas estratégias e ações possuem prazos médios e longos.

Justamente por essa construção saudável, alinhada e promissora é que os resultados vão sendo construídos e sentidos ao longo do tempo.

Com os clientes internos satisfeitos e bem alinhados é preciso começar a buscar formas de realizar uma boa gestão de relacionamento com o cliente externo. Por isso, separamos um blogpost que pode te ajudar nessa fase. Não deixe de conferir:

Descubra a importância do cliente interno para o seu negócio e os motivos  de manter um bom relacionamento com ele.

Ainda não há comentários! Você é o primeiro a comentar